Publicidade

Publicidade

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Vídeo: jovem de 16 anos perde pênis ao sofrer choque ao tentar roubar um transformador.

15/12/2016



Uma tentativa de furto causou um enorme prejuízo a um adolescente. Ao tentar roubar um transformador de energia, ele acabou sofrendo uma descarga elétrica e teve que “amputar” o seu órgão genital. A tentativa de roubo aconteceu na quinta-feira (08), na cidade de Vera, cerca de 480 km de Cuiabá (MT).

O jovem de 16 anos, que não teve seu nome revelado por motivos de segurança pela polícia, mora na cidade de Feliz Natal, cerca de 100 km de Sorriso (MT).

De acordo com o pai do jovem, o seu filho foi convidado por outro indivíduo, conhecido como Jonathan, 25 anos, para praticar um furto na cidade de Sinop. No entanto, no meio do trajeto eles desistiram de ir até o local desejado que era Sinop e foram praticar o roubo em Vera. Chegando na cidade, eles tentaram roubar um transformador de energia. Quando eles estavam efetuando o furto, em determinado momento, o adolescente se descuidou e pegou em um cabo de energia, e acabou sofrendo uma descarga elétrica.

O jovem já caiu no chão com vários ferimentos provocados pela descarga elétrica. O resgaste foi acionado e quando os socorristas chegaram ao local informado o jovem recebeu os primeiros atendimentos. Como seu estado de saúde era critico, ele teve que ser encaminhado as presas para o Hospital Regional da cidade de Sorriso. Já no hospital, ao receber os primeiros atendimentos médicos, devido as gravidades dos ferimentos em suas partes íntimas, os médicos constataram a necessidade de se fazer a amputação do órgão genital do adolescente.

Segundo o portal de notícias “Portal Sorriso”, sua equipe entrou em contato com os familiares do jovem, mas ninguém quis falar sobre o caso. Ainda conforme o portal, o jovem continua internado sem previsão de alta. Já o estado de saúde do garoto não foi revelado pela unidade médica. Segundo informações da polícia, após o jovem receber alta, ele vai ser encaminhado a uma unidade socioeducativa. Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil, que instaurou um inquérito. O caso está sendo investigado. (Fonte: Blasting News)

Veja o vídeo abaixo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário