Publicidade

Publicidade

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Jovem de Paramirim-BA é acusado de realizar seqüestro relâmpago em conquista

21/01/2016



Clima de pânico e medo durante sequestro relâmpago registrado na noite da última segunda-feira (18), em Vitória da Conquista, cidade que fica localizada a 190 quilômetros de Livramento de Nossa Senhora, na região sudoeste da Bahia. De acordo com informações da Polícia Militar, tudo começou quando Renan de Jesus Andrade, 19 anos, conhecido por "Mineirinho", que chegou a afirmar que seria menor de idade, rendeu duas mulheres, sendo uma delas gestante, que estavam a bordo de um Kia Sorento, nas Imediações da Praça Tancredo Neves. Ameaçando a todo instante a gestante que ficou na mira de um revolver, ele obrigou as vítimas a seguirem até agências bancárias para realização de saques. Inconformado com a quantia retirada nos caixas eletrônicos, o jovem, que é natural da comunidade Caraíbas, município de Paramirim, obrigou a entrar em contato com familiares para pedir mais dinheiro. O parente que atendeu a ligação desconfiou e acionou a polícia. A gestante ao descer do carro para aguardar o dinheiro na Praça da Saudade, guarnições da 77ª Companhia Independente de Polícia Militar cercaram o veículo e iniciou um intenso tiroteio. Durante o confronto o criminoso foi baleado na perna. Mesmo ferido o adolescente largou a arma, agarrou a vítima e gritou que era interno de um serviço de medida Sócio Educativa de Semiliberdade e foi capturado. Além do menor a gestante passou mal e teve que ser conduzida para uma unidade hospitalar mais próxima. Após receber o atendimento médico o menor infrator encaminhado para delegacia, onde foi apresentado juntamente com a arma que utilizou para praticar o crime. Nesta quarta-feira (20), Renan foi conduzido para Presídio Advogado Nilton Gonçalves, onde responderá pelo crime de sequestro. Essa não é a primeira vez que "Mineirinho" pratica esse tipo de crime (clique no link). Em abril de 2015, ele teria abordado uma mulher, que teve a identidade preservada pela polícia. Segundo informações, o infrator entrou no carro e há alguns metros do local teria assumido a direção do veículo e levou a vítima até o anel rodoviário, na BR-030, onde subtraiu da vítima certa quantia em dinheiro. De acordo com a vítima, as ameaças não pararam por aí, e o menor exigiu que a sequestrada mostrasse a casa onde reside. Depois disso, ele e a vítima se deslocaram até a agência do Bradesco, lá o menor teria obrigado a mulher a sacar a quantia de R$ 1.000 (um mil reais). (Do L12 Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário